Artigo

A Minha História na UNITEL – Fernando Pequeno

Negócio
29 Dezembro 2023

Sou natural do Ambriz, Província do Bengo.

Na infância, sonhava ser empresário por conta das dificuldades que passei com a minha mãe, que sendo mãe solteira, teve que vender bolinhos no mercado do Roque Santeiro para sustentar os filhos.

Aos 10 anos, precisei ajuda-la a manter a casa e por isso, comecei a vender bolo seco nas ruas de Luanda, e passados alguns anos, também sacos na “zunga”.

Nesta altura, e por causa das dificuldades, não conseguia estudar, me focava somente em ajudar a minha mãe com as despesas de casa.

Numa das visitas do meu tio à Luanda, e diante da dificuldade que passávamos, decidiram que devia voltar para o Ambriz, pois era uma criança inteligente.

Decidi me formar em Administração e Gestão de Empresas, para ser o empresário que sempre idealizei, mas lamentavelmente, não consegui vaga para este curso e para não perder o ano, fiz o teste no Uíge, curso Médio de Agronomia, adiando assim o meu sonho.

Lembro que isso foi numa altura em que a Província do Uíge havia sido assolada pelo vírus Marburg, mas ainda assim, me mantive focado e contrariei a minha família que temendo por mim, implorava que voltasse à Luanda.

Para custear a formação, tornei-me inicialmente Organizador de Eventos e depois Explicador de Matémática e Contabilidade, o que me ajudou a pagar comprar fascículos e livros, até o 2º ano da faculdade.

A Minha História na UNITEL começou em 2011. Comecei como Assistente de Tesouraria e 3 anos depois passei para Tesoureiro.

Amo o que faço, e procuro fazer o meu trabalho com motivação e engajamento, pois sinto que é a melhor maneira de trazermos resultados positivos e sermos exemplo dentro da organização.

O meu maior desafio tem sido manter o brio e a criatividade e continuar a contribuir com ideias brilhantes, pois sei que desta forma, poderei fazer carreira na minha área de actuação na empresa.

Ao longo destes 11 anos de casa, o momento mais marcante foi em 2013, enquanto Assistente de Tesouraria, pois tive de desenvolver um Mapa Estatístico de Depósitos das Lojas que após árduas horas de trabalho, foi aceite e é implementado até hoje nas tesourarias da empresa. Desde esta data, percebi que poderia criar estratégias e iniciativas para desenvolver o meu trabalho.

A minha trajectória na empresa é marcada por grandes figuras, dentre elas, José Morais, Inês Afonso, Constantino Carlos, Amélia Fernandes e Adelino Manuel.

Foi com a ajuda destas pessoas, que me tornei o Tesoureiro que sou, pois acreditaram no meu talento e crescimento profissional.

A UNITEL é tudo para mim, aqui, além do aprendizado e aperfeiçoamento diário, consegui desenvolver o meu sonho de ser empresário, pois não se consegue ser empreendedor ou empresário sem investimento, e a UNITEL é o investimento, que me permitiu gerar negócios.

A UNITEL é uma empresa que exige muito de nós e para nos tornarmos excelentes no que fazemos, precisamos investir nas nossas competências técnicas e também nas comportamentais e assim formamos uma equipa de excelência. É importantes sermos humildes, saber ouvir e aprender com os nossos mais velhos pois assim bebemos das suas experiências.

Fernando Pequeno

Tesoureiro- Secção de Recebimento Províncias

Direcção Financeira

Partilhar:

Outras Notícias